Comprar Diploma de Administração

Comprar diploma de Administração é possível? Sim. Conseguir finalizar uma faculdade não é fácil, pode faltar tempo, faltar dinheiro, sem contar outros diversos problemas eventuais que impeçam de acabar o curso.

Se isso aconteceu com você, sabia que você pode comprar diploma de Administração aqui conosco. Essa é uma solução legalizada para que você deixe seu currículo melhor e finalmente tenha um diploma reconhecido pelo MEC e dessa forma solicitar seu registro profissional CRA.

Entre os cursos da área de Humanas, a Administração é, sem dúvidas, um dos mais procurados. Afinal, o profissional da área tem um amplo campo de atuação, podendo trabalhar em empresas de todos os portes e diferentes setores. Uma dúvida comum de quem se interessa por essa faculdade é saber quanto ganha um administrador.

O valor pode variar a depender de alguns fatores, como região, tempo de carreira e área de atuação. Desse modo, preparamos este conteúdo com as principais informações sobre o salário de quem faz o curso de Administração.

Quanto ganha um formado em Administração?
Em média, no Brasil, um administrador recebe R$ 4.248,35 para uma jornada de trabalho de 42 horas semanais. O piso salarial da profissão é de R$ 3.853,10 e o teto salarial é de R$ 9.919,19.

Quanto ganha um administrador em cada região do Brasil?
Em função da região em que o profissional trabalha, o salário médio pode variar, como veremos a seguir:

Norte — média salarial de R$ 2.850,90; Nordeste — média salarial de R$ 3.196,55;
Centro-Oeste — média salarial de R$ 3.483,35; Sul — média salarial de R$ 3.388,89;
Sudeste — média salarial de R$ 4.186,44.

Qual é o salário de um administrador nas principais capitais do país?
Agora que você já sabe a média salarial por região, confira o salário médio para quem faz faculdade de Administração nas principais capitais do país:

São Paulo: R$ 5.418,31; Rio de Janeiro: R$ 4.852,92;
Belo Horizonte: R$ 4.344,02; Curitiba: R$ 4.069,26;
Barueri: R$ 4.364,05; Manaus: R$ 3.301,05;
Recife: R$ 3.175,09; São Luís: R$ 3.688,75;
João Pessoa: R$ 2.969,76; Aracaju: R$ 2.396,53;
Florianópolis: R$ 3.960,68; Cuiabá: R$ 3.111,10;
Goiânia: R$ 3.052,71.

Como é a remuneração em Administração em relação à progressão de carreira?
Como vimos, existem muitas variáveis que impactam o valor oferecido ao administrador. Além da região e da cidade em que o profissional trabalha, outro ponto importante é o tempo de atuação na área e o que o administrador faz. Nesse sentido, a remuneração é diferenciada conforme o nível.

Nível júnior
São profissionais em início de carreira e com até 5 anos de experiência no cargo. No entanto, isso não é uma regra, já que existem profissionais juniores que podem ter mais ou menos anos de experiência. Eles têm menos autonomia para tomada de decisão e executam funções de menor complexidade. Com base nisso, o salário médio para o administrador nível júnior é de R$ 4.335.65.

Nível pleno
São profissionais com experiência entre 6 a 9 anos. Como eles estão há mais tempo no mercado, conseguem executar tarefas mais complexas e têm um poder de decisão intermediário. Assim, ainda precisam da autorização do gestor para tomar decisões. Com base nisso, o salário médio para o administrador nível pleno é de R$ 4.904,62.

Nível sênior
São profissionais com mais de 10 anos de atuação, o que confere mais maturidade e experiência. Assim, além de executar tarefas ainda mais complexas, o administrador sênior costuma atuar com planejamento e liderança. Com base nisso, seu salário médio é de R$ 5.891,58.

Quais são as médias salariais conforme as áreas de Administração?
Ser administrador é contar com uma ampla gama de oportunidades. Afinal, existem muitas áreas da Administração. Veja, a seguir, a média salarial segundo as oportunidades disponíveis no mercado de trabalho por área de atuação:

Logística: R$ 2.981,58; Financeira e Comercial: R$ 7.057,99;
Tecnologia da Informação: R$ 3.539,36; Atividades de consultoria e gestão: R$ 5.609,19;
Planos de saúde: R$ 4.164,34; atividades de intermediação e agenciamento de serviços e negócios em geral: R$ 5.296,66;

Quanto ganha um administrador concursado?
Os administradores que se formam podem almejar um emprego por meio de concurso público. Ele consiste em um processo seletivo de candidatura a uma vaga de trabalho oferecido por uma entidade pública ou pelo governo, nas esferas nacional, estadual e municipal.

Isso quer dizer que não importa se você deseja atuar em câmaras municipais, hospitais, secretarias de governo ou fundações públicas: todos devem ser homologados por meio do concurso.

Nesse caso, um administrador pode ganhar cerca de R$ 6.415,05 para uma jornada de trabalho de 39 horas semanais — um salário e tanto, não é mesmo?

Quanto custa a hora de trabalho de um administrador?
Em média, um administrador recebe R$ 4.248,35 para uma jornada de trabalho de 42 horas semanais. Assim, a hora de trabalho do profissional custa R$ 25,28. Esse valor está bem acima da média recebido pelos brasileiros.

Saber quanto ganha um administrador é importante para quem deseja seguir nessa área profissional. Além de trabalhar em empresas de diversos segmentos, quem cursa Administração tem a possibilidade de atuar como empreendedor e autônomo. O salário é bastante variável e depende, entre outros fatores, da experiência e da competência do administrador.

Nesse sentido, ter um diploma de administração faz a diferença na formação profissional. Aqui, você compra seu diploma com nossa equipe de excelência. E ainda pode solicitar seu registro profissional junto ao conselho de classe – CRA.

CRA é um órgão consultivo e orientador que fiscaliza o exercício da profissão. Tem a função de defender os direitos dos administradores e garantir o cumprimento da legislação além de orientar profissionais e empresas quanto a regularização e realizar autuações no caso de descumprimento da legislação vigente. Nesse artigo você vai saber os benefícios de se cadastrar no CRA, como realizar o registro, e muito mais.

Os profissionais de Administração contam com representação da categoria através do Conselho Federal de Administração e dos Conselhos Regionais de Administração. Para aqueles que ainda não solicitaram seu registro, podem haver algumas dúvidas quanto à associação.

Obrigatoriamente são registrados no CRA as empresas, escritórios e profissionais que explorem atividades de administração. Exemplo:

Empresas de consultoria em áreas administrativas
Agências de empregos, administradoras de condomínios
Administradoras de bens e valores
Concessionárias de crédito
Empresas de locação de mão-de-obra
Cooperativas de trabalho
Factoring
Holding
Empresas de pesquisa de mercado

Os Conselhos de Administração servem de apoio às Instituições de Ensino na escolha da matriz curricular dos cursos de técnicos, tecnólogos e bacharelados em Administração. Sendo exigido que coordenadores destes cursos sejam formados em Administração com registro no CRA da região correspondente.

O registro do profissional de Administração no CRA, tem a função de garantir que apenas profissionais com certificados emitidos por Instituições de Ensino reconhecidas possam exercer atividades voltadas para a administração.

Benefícios ao obter o registro no CRA
Todo Administrador deve estar registrado no CRA, visto que precisa estar habilitado para exercer a profissão, assim como um médico precisa estar registrado no CRM ou o Engenheiro no CREA. A partir da Resolução Normativa CFA nº 419 de 01/03/2012 torna-se obrigatório que todo Administrador tenha registro no CRA de sua região para assinar qualquer documento por ele produzido. E ao assinar, precisa usar Administrador ou Adm antes do nome seguido do número de registro no CRA de sua região. Se o profissional não tiver o registro no CRA não poderá assinar como Administrador, poderá apenas trabalhar como Bacharel em Administração.

O CRA promove a Ciência da Administração, onde valoriza a competência dos profissionais e o desenvolvimento das empresas, para isso são pagos tributos anuais para o CFA e/ou CRA com a finalidade de manter a funcionalidade do órgão.

O que é preciso para tirar a carteira de Administrador do CRA?
O profissional precisa procurar o CRA de sua região, levar a documentação exigida, pagar taxa de inscrição e anuidade. Os documentos necessários para o registro são:

  • Requerimento de Inscrição de Pessoa Física
  • Diploma (caso o diploma ainda não tenha sido confeccionado, entregar declaração de conclusão de curso e histórico)
  • Carteira de Identidade
  • CPF
  • Título de eleitor e comprovantes de votação
  • Certificado de reservista
  • Foto 3×4
  • Pagamento da Taxa de Inscrição
  • Pagamento da Taxa de Carteira
  • Pagamento de Anuidade
  • Todos os documentos originais devem ser apresentados e levar cópia de cada um.

Gostou do conteúdo? Agora que você já sabe quanto ganha um administrador, dê o próximo passo para a construção da sua carreira, solicite o seu já!

Comprar diploma de Administração lhe autoriza atuar em diversas áreas. Agora é com você! Gostou de saber tudo o curso de Administração? É uma profissão altamente valorizada. Que tal dar o pontapé inicial em seu futuro?

Se sim, você já sabe: entre em contato e solicite seu diploma de Administração agora, dê um passo importante na direção do seu futuro profissional.